O status da proteção social para trabalhadores dos sistemas agroalimentares na África Ocidental

Data de início:

Descrição

Este projeto é uma parceria entre o IPC-IG e o Escritório Sub-regional da FAO para a África Ocidental para desenvolver um estudo com o objetivo de fazer um balanço da situação dos programas de proteção social para trabalhadores do sistema agroalimentar na região da África Ocidental. Além disso, este projeto detalhará estudos de caso de países onde boas práticas forem identificadas por meio de revisão documental e entrevistas com informantes-chave, bem como criará um espaço de diálogo (por meio de um webinário) entre agências da ONU, organizações internacionais e regionais, governos nacionais, e a sociedade civil para discutir como melhorar a proteção social para os trabalhadores dos sistemas agroalimentares.

Parceiros

FAO Escritório Subregional para o Oeste da África

Região/País(es)

África Subsaariana

Benim , Burquina Faso , Cabo Verde , Costa do Marfim , Gâmbia , Gana , Guiné , Guiné-Bissau , Libéria , Mali , Níger , Nigéria , Senegal , Serra Leoa , Togo

Pilar Principal

Produção de Conhecimento

Área temática

Proteção Social

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

ODS 1 - Erradicação da pobreza

Resultados do Projeto

Working Papers

O IPC-IG, em parceria com a FAO Escritório Subregional para a África Ocidental, desenvolverá um estudo a fim de analisar o estado da proteção social e a resiliência dos trabalhadores do sistema agroalimentar na região da África Ocidental. O documento também detalhará a experiência de países onde as boas práticas forem identificadas por meio de revisão documental e entrevistas com informantes-chave. O artigo/working paper estará disponível em inglês e francês.

One-Pagers

As agências desenvolverão resumos curtos, de uma página, informando as principais conclusões do projeto de pesquisa, a fim de facilitar o diálogo sobre políticas e o compartilhamento dos resultados do estudo.

Sessão de diálogo sobre políticas

As agências criarão um espaço de diálogo (através de um webinárion) entre agências da ONU, organizações internacionais e regionais, governos nacionais e sociedade civil para discutir como melhorar a proteção social para trabalhadores de sistemas agroalimentares na África Ocidental.